Agende consulta presencial ou por video chamada.

Perda de movimento no pescoço pode ser Estenose do canal vertebral cervical?

Perda de movimento no pescoço pode ser Estenose do canal vertebral cervical?

Estenose do canal vertebral da coluna cervical significa que existe estreitamento do espaço do canal vertebral na região cervical (pescoço). Pode levar a sintomas de compressão medular, uma mielopatia.

Existem pessoas que têm sensação de que o pescoço está meio duro, com menos mobilidade, com menos possibilidade de virar para os lados, com incômodo no pescoço, persistente, que não passa, e às vezes incômodo para abaixar a cabeça e limitação para colocar para trás o pescoço. Algumas pessoas queixam-se de desconforto no pescoço muito frequente, dor no pescoço que pode parecer torcicolo. Alguns contam que sentem estalos (“como se eu estivesse crocante”, algumas pessoas dizem). Outros referem que sentem um peso na base do pescoço como que se houvesse um pêso na base do pescoço. Uma vez uma paciente contou que sentia como que se tivesse um “gorila” sentado no pescoço dela o dia inteiro, mas principalmente no fim do dia. Pode haver também  dor de cabeça e sensação de aperto na cabeça. Alguns indivíduos contam sensação de peso no braço, formigamentos ou amortecimentos de braços e/ou dedos. Finalmente, quando mais grave,  algumas pessoas percebem perda de certos movimentos em braço ou mão, ou sensação de que a força está diminuindo, ou até mesmo uma atrofia da musculatura. Recentemente, um paciente jovem, de cerca de 39 anos, que praticava musculação com regularidade, contou que percebeu que o tríceps de um lado começou a atrofiar bastante, mas ele não ligou muito.

Se você tem estes sintomas, combinados, ou parte deles, e se está lendo aqui, é possível que já os tenha há certo tempo. É importante que venha em consulta conosco porque você pode ter uma compressão da medula espinhal no pescoço causada por uma estenose do canal vertebral cervical.

Quais as causas da estenose de canal vertebral na coluna cervical?

Incômodo no pescoço que não passa – sintoma “simples”, que acompanhado por outros, pode ser sinal de uma doença chamada compressão da medula espinhal.

O canal vertebral na coluna cervical (pescoço) é um espaço dentro do qual está a medula espinhal. A medula espinhal é uma espécie de tubo de neurônio responsável pela transmissão de informações e comandos de movimento de braços e pernas e responsável pela transmissão para o cérebro de estímulos sensitivos (sensibilidade).

Qualquer evento que diminua o diâmetro do canal vertebral pode causar uma estenose do canal vertebral cervical. Assim, o envelhecimento natural (doença degenerativa discal, um traumatismo, um tumor, por exemplo) podem causar este estreitamento da canal vertebral.

A causa mais comum de estenose do canal vertebral cervical é a doença degenerativa discal. Os discos intervertebrais envelhecem, desidratam-se, degeneram, e este fenômeno natural do envelhecimento está associado à nossa posição “em pé”, ao uso natural do disco com o movimento, à genética de cada um, à forma de coluna , da lordose de cada pessoa no pescoço, à postura ou à má postura (uso crônico do telefone celular, posição não ergonômica de dentistas, por exemplo), de fatores mecânicos como carregamento de peso. A dor que pode vir desta degeneração do disco e de eventos associados ainda pode estar ligada a fatores químicos e inflamatórios.

Portanto compreende-se que o conhecimento do que é a degeneração discal pelas pessoas pode contribuir para que sua qualidade de vida seja melhor, para que problemas de dor crônica na coluna cervical, pescoço sejam prevenidos, evitados.

O maior livro já publicado no mundo acerca de degeneração do disco intervertebral foi publicado pelo autor destas linhas , Dr. Pinheiro Franco. Assim, nossa equipe têm enorme capacidade de discernir a melhor estratégia de tratamento para o seu problema de coluna cervical.

estenose do canal vertebral cervical pela degeneração discal pode ser causada por uma compressão anterior (hérnia de disco cervical,  complexo disco-osteofitário,  osteófito, “bico de papagaio”) ou posterior (artrose facetária, hipertrofia de ligamento, hipertrofia unciforme). O resultado destas estruturas avançando para dentro do canal é uma compressão da medula espinhal e/ou compressão radicular (compressão da raiz nervosa). Veja agora o laudo de sua ressonância e anote se estas palavras aparecem. Se aparecerem, principalmente estenose ou compressão medular ou complexo discoosteofitário, avise nossos colaboradores quando ligar que sua consulta será priorizada.

Múltiplas variáveis estão envolvidas na escolha do tratamento ideal. O objetivo destas linhas é propiciar noções fundamentais sobre o assunto, mas realmente, marque sua consulta agora , pois só lá , de fato, poderemos ajudá-los.

O tratamento da estenose de canal vertebral cervical, quando for cirúrgico, pode ser pela parte da frente do pescoço ou pela parte de trás. A escolha do tratamento correto é crucial para o bom andamento das coisas. Com a enorme quantidade de informações disponível hoje e múltiplas opiniões diferentes, vale ressaltar que é fundamental escutar uma opinião abalizada. Os neurocirurgiões da Clínica Pinheiro Franco têm enorme experiência internacional no trato com as delicadas estruturas neuronais que são a medula espinhal e os nervos da coluna cervical.  Dr. João Luiz Pinheiro Franco, o Diretor da Clínica, morou 5 anos na Europa e EUA e realiza essas cirurgias quase todas as semanas.

Nossa exigência é dispor da tecnologia que nos permita fazer esta cirurgia com a máxima segurança para sua medula espinhal.  E isso começa com nossa  absoluta questão de usar os microscópios alemães Carl Zeiss, que aumentam enormemente a visualização da medula espinhal, dos nervos e da hérnia discal. A microcirurgia é o que se chama de “padrão ouro” de tratamento. O uso desta tecnologia permite que façamos a mesma cirurgia que é realizada em Munique,  Nova Iorque ou Paris.

Microscópio Carl Zeiss Pentero: uma fantástica máquina de tecnologia que permite resultados cirúrgicos excelentes e aumenta a sgeurança da medula espinhal e nervos.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Outras publicações

biacuplastia
Minimamente Invasivo

Biacuplastia intradiscal

Tratamento que consiste em cauterizar as fibras nervosas causadoras de dor que estão dentro do disco vertebral.

Outros Tratamentos

Micro Cirurgia
Microcirurgia Zeiss

Microdiscectomia Zeiss

A microdiscectomia é, para o tratamento da hérnia de disco, o que se chama de padrão-ouro (gold standard em inglês). O que isto significa? Significa

Agende uma Tele Consulta

Consulta presencial ou on-line para um diagnóstico preliminar.

Desculpe, este conteúdo é protegido.

Seu problema TEM TRATAMENTO!

Não se preocupe, nós ligamos para você!

Covid-19

Caros Pacientes da Clínica Pinheiro Franco,

Diante do cenário global frente ao coronavírus, faremos também, TELE ATENDIMENTO MÉDICO visando continuar nossas atividades e manter o atendimento a todos os nossos pacientes.

Quem tiver interesse, a partir de agora, como não sabemos a duração da epidemia, deve enviar WhatsApp para os telefones:

Para agendar sua consulta on-line com horário marcado. 

Orientaremos como será feita a consulta através de um WhatsApp de resposta. 

Atenciosamente, 
EQUIPE DA CLÍNICA PINHEIRO FRANCO